Qual é a Essência da Orientação?

por Sue Harvey's  (presidente da IOF)

 

Esta questão pode parecer um pouco teórica, mas a resposta tem importantes conseqüências práticas. Você não pode planejar  o desenvolvimento, nem vender um esporte para patrocinadores, novos países ou conseguir novos adeptos, a menos que você saiba o que está vendendo.

O que eu quero dizer com esta questão? Deixe-me explicar.

O que faz a orientação diferente de outros esportes? O que você precisa ter em uma competição para que ela seja orientação e não outra coisa qualquer?

Deixe-me dar alguns exemplos. Suponhamos que eu organize uma competição na mata com picotadores e prismas laranja e branco; existe a marcação de tempo de partida e chegada, e a pessoa mais rápida é a vencedora. Todos os competidores levam bússola e uma carta onde os postos de controle (ou pontos) estão marcados. Entretanto a rota completa entre os pontos é marcada com fitas.

Rota Marcada com Fitas - Não orientação!

Você concordaria plenamente que minha competição não seria orientação - ela tem prismas, picotadores, carta,  bússola, marcação de tempo, esforço físico. Está claro que estes elementos isoladamente não fazem a orientação. O que está faltando? Navegação e escolha de rota.

Suponhamos agora que não haja fitas; os competidores têm que escolher a rota de um ponto para outro. Mas eles não entram realmente em área de mata. Eu penso que você concordaria comigo que este evento poderia ser um exercício de treinamento, o que para a orientação é como fazer flexão de braços na ginástica olímpica.

E a corrida, é essencial? Não, porque concordamos que você ainda se orienta caminhando ou pedalando. Você tem que ir realmente até os prismas para que isto seja orientação? Se a resposta for sim, então a orientação para deficientes dificilmente seria possível.

Suponhamos que eu organize uma competição numa área que foi usada 5 anos atrás e que todos os competidores tenham visto a carta antiga. Isto é orientação? Sim, certamente. Atualmente isto acontece com freqüência. Então terreno totalmente desconhecido não é essencial.

Se eu organizar um evento na área de mata em volta de meu clube local em que todos os membros do clube tomem parte, isto é orientação? Penso que podemos dizer que sim, mesmo que todos tenham estado naquela área antes e usado aquela carta antes. E se organizasse o mesmo evento e usasse o mesmo percurso da semana anterior? Isto é orientação?

Quanto é necessário que a área, carta, postos de controle e percursos sejam conhecidos para que o evento seja ainda orientação? A resposta para esta questão é muito importante.

Sigilo e Eqüidade

Uma competição justa é aquela em que todos os competidores tenham as mesmas condições. Um esporte é apenas um esporte se for justo. De outra maneira ele é uma loteria. Então se nós acreditamos que um sigilo TOTAL é ESSENCIAL para a orientação, um evento será justo somente se NINGUÉM tenha visto a carta ou estado na área antes. Se tomássemos este ponto de vista, então não haveria orientação na Dinamarca - como apontou um dinamarquês no Seminário Olímpico que realizamos em conjunto com  a "Spring Cup" - já que todas as áreas foram usadas. Contudo os dinamarqueses ganham medalhas no nosso Campeonato Mundial. Como isto seria possível se o que eles fazem em casa não fosse 'orientação de verdade'? A conclusão que chegamos é que sigilo TOTAL não é essencial. Minha pergunta para você então é: QUANTO é essencial?

A resposta para esta questão é significante quando nós falamos em conseguir uma cobertura maior da mídia, por exemplo em conecção com nossas aspirações olímpicas. Todos os produtores de TV preparam seus programas cuidadosamente. Uma cobertura de TV, para ser mais que simples cenas de pessoas chegando e entrevistas com atletas, precisa incluir o que acontece dentro das matas. Senão para quê uma equipe de TV precisaria se preparar? Na realidade, como é que podemos manter a área, carta, pontos e percursos totalmente secretos se 15 companhias de TV estão preparando suas equipes de filmagem durante os três meses que antecedem o evento? E mesmo excluindo informações que são vazadas de propósito, é possível que algumas sejam vazadas acidentalmente. Então quão justa será nossa competição de orientação?

Deixe-me sugerir a você que existem várias respostas para a questão de quão sigilosas as coisas devem ser. Em outras palavras, para alguns tipos de competição um alto grau de sigilo é essencial. Para outras este pode ser menor.

 

A Distinção - Comparando Carta - Terreno

O que distingue todas as formas de orientação de outros esportes é a navegação na prática. Os competidores precisam provar que interpretam corretamente a carta de acordo com o terreno. O modo de provar isto pode variar um pouco. Na maioria dos eventos você tem postos de controle marcados na carta. Você picota seu cartão nos prismas localizados no terreno para mostrar que interpretou corretamente o que está na carta. Quanto mais rápido você fizer a comparação carta - terreno, mais rápido encontrará os pontos. Uma vez que no evento esteja contando o tempo, a escolha de rota é importante, pois o competidor que melhor prediz pela carta onde será mais rápido prosseguir no terreno tem a maior chance de chegar lá mais rápido.

A comparação carta - terreno em 'Trail O' tem a forma de identificação correta, observando o terreno, de qual entre vários prismas está indicando o local marcado na carta.

A orientação no computador, onde você compara um modelo de terreno na tela com uma carta de orientação (também na tela) pode ser no futuro uma forma de orientação acessível tanto a deficientes físicos como a pessoas não deficientes.

Fatores Estressantes

A comparação carta - terreno é mais difícil se você está em um local desconhecido, com uma carta que nunca tenha visto antes. Isto pode ser ainda mais difícil sob estresse físico, por exemplo quando você está correndo rápido, a bastante tempo ou numa subida. É mais difícil quando há distrações, como outros competidores (numa partida simultânea ou revezamento) ou espectadores. É difícil quando as formas do terreno são complexas, ou se existem muitos detalhes como bastante trilhas. Existem muitas maneiras de dificultar e as diferentes formas de orientação colocam ênfase em aspectos diferentes. No modo clássico é o terreno desconhecido e o estresse físico na forma de distância e desnivelamento que proporciona o estresse. Em curta distância é a velocidade de corrida. Na partida simultânea ou revezamento é o estresse mental na forma da presença de outros competidores.

Nós temos diferentes eventos com diferentes fatores de estresse. Estas formas convivem bem lado a lado e nós temos eventos no Campeonato Mundial na maioria delas. Alguns competidores preferem um tipo de estresse, alguns outros. Sigilo de terreno e percurso são de vital importância em alguns desses e menos importantes em outros. Para o sucesso de um evento as condições para todos os competidores precisam ser iguais, então é importante que quando o sigilo seja essencial, ele seja total. Por outro lado, quando o estresse é proporcionado por outro fator, talvez seja menos necessário o sigilo em todos os aspectos.

Nosso Evento Olímpico

Vamos ver agora que tipo de evento poderia ser feito como nossa distância olímpica. Ele deve ser naturalmente 'orientação de verdade', então deve basear-se na comparação carta - terreno. Ele deve requerer pouco sigilo, no entanto muito em dificuldade proporcionada por outros aspectos. Preferencialmente ele não deve levar muito tempo, então o estresse físico será proporcionado pela velocidade de corrida. Formas de terreno complexas não são encontradas em muitos lugares, então é preferível que o estresse mental seja proporcionado pela presença de outros competidores.

O Desafio Olímpico

Então, tendo em mente o instinto natural do homem em caçar e o medo de ser caçado, eu posso sugerir  uma competição de 10 a 15 minutos com partida simultânea, correndo um misto de área de parque e mata, com pouco sigilo, com grande pressão mental, que poderia proporcionar um drama concentrado e uma chegada com tempo real, onde procuramos um grande atrativo para o público - o DESAFIO OLÍMPICO, com alto nível e alta tensão emocional, a ser adicionado em nosso programa de eventos e complementar os tradicionais favoritos do clássico, da curta distância e do revezamento.

 

JMF